Nossa Senhora do Perpétuo Socorro 

 

Novena a Nossa Senhora
do Perpétuo Socorro


Canto Inicial: Ó Mãe do Perpétuo Socorro

Dirigente: Aqui reunidos para honrar nossa Mãe, nosso Perpétuo Socorro, fiquemos de joelhos. Lembremos como Maria tem ajudado tanta gente. Toda a sua vida foi uma lição de amor.

Todos: Mãe do Perpétuo Socorro, encontramos hoje tamanhas dificuldades. O vosso quadro nos fala tanto a vosso respeito. Ele nos recorda o interesse pelo próximo, o auxílio aos necessitados. Ajuda-nos a entender que a nossa vida pertence aos outros, como também eles nos pertencem. Maria, modelo de amor cristão, sabemos que não somos capazes de curar todo doente, de resolver todo problema. Com a graça de Deus, porém, queremos fazer o possível. Sejamos verdadeiras testemunhas para o mundo de que o amor mútuo tem real valor. Que as nossas ações de cada dia proclamem quão profundamente as nossas vidas se deixam modelar pela vossa, ó Mãe do Perpétuo Socorro.

Dirigente: Maria, vós sois mulher de fé inabalável. Jamais vacilou vossa fé em Jesus. Modelo de todos os que crêem, rogai por nós ao Espírito Santo. Ajudai-nos não só a aceitar tudo o que vosso Filho nos ensina, mas também a colocar em prática o seu ensinamento.

Todos: Mãe do Perpétuo Socorro, quando criança, Jesus corria até vós para receber conforto e segurança. Não vistes nele apenas uma frágil criança: movida pelo Espírito Santo aceitastes Jesus como o Filho do Altíssimo, o Messias tão longamente esperado. Fazei-nos seguir o vosso exemplo de fé, ajudai-nos a reconhecer Jesus naqueles que encontramos, especialmente nos pobres e solitários, nos doentes e idosos. Fazei-nos recordar sempre, querida Mãe, que tudo quanto fizermos ao menor dos nossos irmãos, nós o fazemos ao vosso amado Filho. Que as palavras dele vivam em nossos corações e influenciem nossas vidas e as vidas das pessoas que encontramos.

Dirigente: Rezemos para sermos abertos à Palavra de Deus.

Todos: Maria, mulher de fé, considerastes e guardastes no coração o sentido das palavras e das ações de Deus. Generosamente respondestes à sua Palavra com a fé. Ao ouvirmos a Palavra de Deus, ajudai-nos a sermos atentos à sua mensagem. Que o Espírito Santo ilumine nossa inteligência e nos dê a coragem de pôr em prática estas palavras.

Dirigente: Fiquemos de pé e apresentemos a Deus nossos pedidos. Concedei sabedoria e discernimento ao Santo Padre, o Papa N., ao nosso Bispo N., a nossos sacerdotes e a todos os chefes da nossa nação, do estado e do município.

Todos: Interceda por nós vossa Mãe, Senhor.

Dirigente: Concedei a paz e a unidade a todo o mundo, especialmente a nossos lares e famílias.

Todos: Interceda por nós vossa Mãe, Senhor.

Dirigente: Fazei que os jovens respondam generosamente ao chamado do Espírito Santo, aprofundando sua fé e escolhendo sua vocação na vida.

Todos: Interceda por nós vossa Mãe, Senhor.

Dirigente: Dai-nos constante saúde de corpo e alma e ajudai os doentes, especialmente a recuperar a saúde conforme vossa santa vontade.

Todos: Interceda por nós vossa Mãe, Senhor.

Dirigente: Concedei o descanso eterno a todos os nossos falecidos, especialmente e às almas de todos os fiéis falecidos

Todos: Interceda por nós vossa Mãe, Senhor.

Dirigente: Em silêncio, apresentemos nossos pedidos pessoais à nossa Mãe do Perpétuo Socorro.

Dirigente: De joelhos, continuemos nossa oração:

Todos: Maria, humilde serva do Senhor, precisamos do vosso exemplo hoje para descobrir a vontade de Deus em nossas vidas. Vós sempre destes a Deus o primeiro lugar na vossa vida. Como meditastes a divina palavra no coração, ajudai-nos a buscar em tudo o que fazemos o plano de Deus. Dai-nos a convicção de que nada é mais importante do que fazer a vontade do nosso Pai celeste. Fazei que passemos cada momento procurando o seu amor e o seu agrado. Ajudai-nos a seguir o vosso exemplo, proclamando: Estou a serviço do Senhor: eu quero o que Deus quer, quando e como ele quer, e porque ele o quer.

Dirigente: Mãe do Perpétuo Socorro, o vosso quadro nos lembra que temos de carregar nossa cruz como Jesus o fez. Com coragem, ele enfrentou a injustiça, o abandono e a traição, a dor e o sofrimento, até mesmo a morte de um criminoso.

Todos: Maria, para vós olhamos como nosso modelo de coragem no sofrimento. Participastes do sofrimento e da morte do vosso Filho. Agora participais da sua Ressurreição. Nós também, participamos da cruz de Cristo, e um dia, como vós, vamos participar plenamente da sua Ressurreição. Tornai-nos pacientes no sofrimento, e confiantes no amor carinhoso do nosso Pai celeste. Experimentem o poder salvador do vosso Filho todos os que sofrem no corpo ou na alma. Ajudai-nos a seguir o seu exemplo, e por ele, com ele e nele, recomendar-nos à bondade do nosso Pai celeste.

Dirigente: Peçamos a Maria que guarde nossas famílias.

Todos: Mãe do Perpétuo Socorro, abençoa as nossas famílias com o vosso terno e maternal amor. Que o sacramento do matrimônio promova uma crescente união entre os esposos, para que sejam sempre fiéis e se amem mutuamente como Cristo nos ama. Ajudai a todos os pais e mães para que orientem com amor os filhos que Deus lhes confiou. Sejam sempre modelos de verdadeira vida cristã. Ajudai todos os filhos a amar e respeitar seus pais. Ensinai a todos o valor do matrimônio cristão e da vida de família. Dai-nos senso de responsabilidade, para que façamos habitar em nossos lares o amor e a paz. Maria, nosso modelo, ajudai todas as famílias a crescer diariamente no genuíno amor a Deus e ao próximo, de modo que a justiça e a paz floresçam por toda a parte na família humana.

(O seguinte Ato de Consagração deve ser rezado na primeira semana do mês. Nas outras, saltam-se os dois parágrafos seguintes.)

Dirigente: Renovemos nosso Ato de Consagração.

Todos: Em união com os membros da Confraria de Nossa Senhora do Perpétuo Socorro, aqui e em todo o mundo, nós nos consagramos ao vosso serviço. Prometemos renovar essa consagração uma vez por mês e receber freqüentemente os sacramentos. Pedimo-vos que nos obtenhais a graça de imitar o vosso grande servo, Santo Afonso, no seu amor a vós e ao vosso Filho.

Dirigente: Desde o primeiro momento da sua existência, o Espírito Santo encheu Maria com o seu amor. Pelo seu poder, ela tornou-se a Virgem Mãe de Deus. Pelo mesmo Espírito Santo, ela tornou-se a perfeita esposa, a Mãe perfeita. Que nós imitemos a sua generosidade, a sua abertura ao Espírito Santo. Rezemos:

Todos: Vinde, Espírito Santo, enchei os nossos corações com a vossa alegria e a vossa paz, com vosso poder e vosso amor, com a vossa constante presença dentro de nós.

Dirigente: Recebei o Espírito Santo. Que ele esteja convosco para vos fortalecer, acima de vós para vos proteger, à vossa frente para vos guiar, dentro de vós para tomar posse de vós inteiramente. Pelas preces de nosso santo padroeiro, Santo Afonso, pela intercessão de Maria, Mãe do Perpétuo Socorro, pelos méritos de Nosso Senhor e Salvador Jesus Cristo, presente no Santíssimo Sacramento do altar, que a bênção de Deus todo-poderoso, Pai, Filho e Espírito Santo, desça sobre vós e convosco permaneça para sempre.

Todos: Amém.

Canto Final